Qual a importância do Plano de Marketing Digital?

27 de março de 2021

Ter um plano de marketing digital é essencial para fazer um negócio crescer. Inclusive, o marketing digital é, hoje, o principal recurso para divulgação de marcas, produtos e serviços.

Publicidade:

A internet mudou a maneira como nos comunicamos, buscamos informação e até como compramos. As pessoas estão online o tempo todo, por isso, as empresas que não marcam presença na web correm o risco de serem esquecidas.

O marketing digital é composto por ações que uma organização executa dentro do ambiente online, com o objetivo de conquistar novas oportunidades, criar um relacionamento com seu público e desenvolver sua identidade de marca.

Publicidade:

Para isso, algumas estratégias importantes são colocadas em prática, como SEO, Inbound Marketing, Marketing de Conteúdo, mídias pagas, dentre outras.

Só que tudo precisa ser planejado, ou seja, os resultados não aparecem ou não serão positivos se as ações de marketing na internet não forem bem pensadas e elaboradas.

O ideal é contar com um profissional da área para te ajudar, mas no começo, você mesmo pode lançar mão de algumas soluções, mas sempre de forma planejada.

Pensando nisso, neste artigo, vamos explicar o que é marketing digital, o que é planejamento de marketing digital, suas etapas e sua importância.

Publicidade:

O que é marketing digital?

Marketing Digital é um conjunto de estratégias que tem como objetivo promover marcas, produtos e serviços dentro da web. Além disso, faz uso das mídias digitais e se tornou a maneira mais eficiente para que as empresas se comuniquem com seu público-alvo.

Existem estratégias para absolutamente todo tipo de organização, desde uma pequena loja até uma grande fabricante de resistência de imersão. Todo esse trabalho é feito por meio dos canais digitais, como:

  • Sites;
  • Blogs;
  • Redes Sociais;
  • E-mail;
  • Sites de busca.

Esses e muitos outros canais dentro do ambiente online possibilitam que as empresas solucionem as dores e necessidades de seus clientes e potenciais clientes.

Só que ao contrário das mídias tradicionais, que costumam ser bem caras, o marketing digital é um sistema democrático e acessível. Ele também funciona de maneira direcionada, com base nas necessidades do público-alvo e nas possibilidades da marca.

Publicidade:

Em linhas gerais, cada um faz o que pode, com os recursos disponíveis, para encontrar novas oportunidades em seu mercado de atuação.

Outro ponto positivo desse tipo de marketing é que ele é facilmente mensurável. Isso significa que você pode acompanhar suas estratégias, analisar seus resultados em tempo real e fazer as mudanças necessárias.

Só que para funcionar, é imprescindível ter um plano de marketing digital. Acompanhe o próximo tópico para entender melhor.

O que é plano de marketing digital?

O plano de marketing digital é um documento feito pela empresa, como uma fabricante de aparelho para testes de alta descarga, que inclui os objetivos das estratégias e ações. Todos são justificados e é feito um planejamento de como atingir os objetivos.

Portanto, primeiro é necessário saber o que se pretende alcançar, com quem vamos falar e como as ações serão realizadas.

Para que a empresa cresça e alcance bons resultados, é preciso seguir e respeitar as etapas seguintes que envolvem esse plano. São elas:

Analisar a situação do negócio

É necessário analisar a situação da companhia, considerando aspectos como volume de vendas, histórico de faturamento, posicionamento da marca, políticas internas e externas, custo e rentabilidade de produtos, recursos disponíveis e dimensão do negócio.

É possível fazer uma análise SWOT, considerando as informações mais relevantes sobre o cenário atual em que a organização está inserida.

Analisar o mercado

Aqui, o gestor consegue analisar a situação do mercado em que sua empresa de calibração de equipamentos de laboratório, por exemplo, atua, principalmente no que diz respeito ao funcionamento.

Assim, fica mais fácil desenhar cenários de desenvolvimento, contudo, é necessário saber qual é o atual market share da empresa, que parcela do mercado a companhia quer atingir e se o mercado de atuação está estável, expandindo ou decaindo.

Também é importante conhecer quais são as peculiaridades de mercado, para prever boas estratégias e até mesmo soluções de problemas.

Analisar a concorrência

Conhecer a concorrência e as ações que ela executa no marketing digital é indispensável para elaborar um bom planejamento.

Veja quais são seus principais concorrentes, tanto diretos quanto indiretos e saiba de que forma eles se posicionam no mercado e as características mais relevantes dos produtos e serviços que oferecem.

Descubra as fraquezas e limitações da concorrência, como é a política de preço dela, as ações de marketing que adota, e quais dessas ações funcionam ou não.

Para coletar todas essas informações, uma fabricante de válvulas retenção, por exemplo, pode fazer pesquisas de mercado digital. Com isso, vai conseguir dados rápidos para tomar as melhores decisões.

Inclusive, seu negócio pode descobrir como é avaliado pelo público e a opinião que essas pessoas têm sobre seus concorrentes.

Definir a persona

A persona é um personagem semi fictício que representa o perfil de cliente ideal de uma marca. Ela se baseia em um conjunto de características dominantes do público-alvo, como dados demográficos e comportamentais.

É importante definir a persona para oferecer soluções mais assertivas e investir em campanhas apropriadas para seu público.

Definir os objetivos

A quinta etapa do plano de marketing é definir os objetivos que sua empresa pretende alcançar em curto, médio e longo prazo. Eles devem ser claros e objetivos, além de mensuráveis, alcançáveis e relevantes.

Elaborar mix de marketing

Esta é uma das etapas mais importantes do plano de marketing de uma fabricante de forno rotativo industrial, por exemplo, ou qualquer outra empresa.  

Isso porque é nela que definimos as variáveis que despertam o desejo de compra no consumidor. Essas variáveis são conhecidas como os 4 Ps do Marketing, sendo:

  • Produto;
  • Preço;
  • Promoção;
  • Praça.

É importante definir qual produto a marca oferece (o que inclui serviços); a precificação deles; como são promovidos; e onde serão distribuídos.

Elaborar um plano de ação

Aqui já entramos na execução do plano, ou seja, na prática. Sendo assim, o gestor pode criar uma lista com 5 a 50 ações de marketing, com base nas etapas anteriores.

É importante descrever as atividades e suas expectativas de resultado, e quem será o responsável por elas, como setor ou profissional.

Cronograma e orçamento

Quando o assunto são estratégias de marketing de uma organização, como uma empresa de torneamento usinagem, é necessário ter um cronograma ou um orçamento para que o planejamento funcione.

Especifique datas e períodos em que as atividades serão realizadas, bem como os investimentos necessários para que aconteçam. Assim, fica mais fácil otimizar o tempo e os recursos financeiros da companhia.

Monitorar os resultados

Para que o plano e as estratégias funcionem, é necessário monitorar o progresso continuamente. Dessa forma, é possível controlar a eficiência de cada ação adotada.

Para fazer isso, é necessário definir KPIs, que ajudam a qualificar os resultados e direcionar recursos e esforços, para atingir os objetivos.

Uma das formas de fazer isso é por meio das pesquisas digitais, pós-testes de comunicação, pesquisas de satisfação e lembrança de marca.

A importância do plano de marketing

Quando o cliente procura informações sobre valvula de retenção comprar, por exemplo, são as empresas que fizeram um bom plano de marketing que vão aparecer entre os primeiros resultados de pesquisa.

Isso porque esse planejamento consegue destacar a marca, visto que ela terá suas metas e objetivos bem definidos. Trata-se de uma visão de mercado mais apurada, que mostra todos os aspectos que envolvem o negócio.

É assim que a organização traça metas e objetivos de maneira estratégica e conquista bons resultados. Além disso, o plano de marketing acaba por colaborar com a organização do trabalho.

As fases dos projetos, bem como seus prazos são definidos com mais facilidade. Os colaboradores entendem melhor os objetivos pretendidos, o que assegura ações bem planejadas.

Por fim, uma empresa de, por exemplo, manutenção de áreas verdes se tornará mais competitiva no mercado em que atua. Isso acontece porque ela passa a ter programas de promoção de sua marca bem estruturados.

Tudo é feito de maneira planejada, considerando o perfil da organização, fazendo com que seus produtos e serviços sejam vistos com bons olhos no mercado.

Conclusão

O marketing digital abriu as portas para as empresas, para que elas pudessem ganhar o público, vender suas soluções e com isso crescer e se expandir.

Só que por ser muito acessível, todos podem investir em estratégias com bons resultados, o que aumenta a competitividade.

Mesmo com pouco recurso, um pequeno negócio pode vencer a concorrência com o marketing digital. Mas para isso, ele precisa planejá-lo, inclusive, um bom plano de marketing vai definir as estratégias e trazer resultados positivos, que farão a marca crescer.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

 

 

Copy link
Powered by Social Snap