PowerWeb Criação de Sites Igrejinha RS, Taquara e Vale Paranhana

 

PowerWeb Criação de Sites Igrejinha RS, Taquara e Vale Paranhana

Olá! Somos a PowerWeb!

(51) 9 9596 6969

Como chegar

contato@powerweb.com.br

Acompanhe pelas redes sociais:

Google Apps deixa de oferecer plano gratuito

7 de dezembro de 2012

Agora empresas poderão criar suas App Stores particulares no Android.

O Google decidiu e agora quem quiser usar o Google Apps vai ter que pagar, que maravilha poder usar a plataforma de e-mails do Google (Gmail) entre outros aplicativos muito úteis, com o e-mail personalizado de sua empresa ou negócio, agora quem tinha o plano gratuito continuará e novos clientes Google Apps poderão obtê-lo somente pagando pelo serviço.

Google Apps deixa de oferecer plano gratuito

Google Apps deixa de oferecer plano gratuito

Confira o comunicado que o Google enviou aos que já utilizavam o serviço gratuito:

“Olá, a seguir uma notícia importante sobre o Google Apps. Mas não se preocupe, você não precisa realizar nenhuma ação. Só queremos que saiba que estamos fazendo uma alteração nos pacotes que oferecemos.

A partir de hoje, já não aceitamos novas inscrições para a versão gratuita do Google Apps (a versão que você utiliza atualmente). Como já é nosso cliente, essas alterações não terão impacto em seu serviço e você pode continuar utilizando o Google Apps gratuitamente.

Se desejar atualizar para o Google Apps for Business, você terá benefícios como: suporte ao cliente 24 horas por dia e 7 dias por semana, uma caixa de entrada com 25 GB, controles de negócios, funcionamento garantido por 99,9% do tempo, usuários ilimitados e muito mais, por apenas US$ 5 por usuário ao mês.

Saiba mais sobre essa alteração em nossa Central de Ajuda ou no Enterprise Blog.
Obrigado por utilizar o Google Apps.

Clay Bavor
Diretor, Google Apps”

Lançado em meados de 2007, o Google Apps é a opção para empresas que querem adotar a suíte de serviços web do Google, como o e-mail (Gmail), agenda, Google Plus + e outras aplicações. Quando foi lançado existiam os planos pagos e um plano gratuito quer era disponibilizado para empresas de pequeno porte com menos de 50 funcionários ou menos de 50 contas de e-mail, que posteriormente foi diminuído para no máximo 10 contas.

Ontem (06/12/2012) o Google fez uma grande mudança nesta política: a partir de agora, empresas que ainda não se utilizavam do serviço só terão acesso ao Google Apps caso paguem a mensalidade ou anuidade.

O Google justificou a alteração na política do Google Apps no anúncio da mudança que a decisão de não disponibilizar mais o plano grátis aconteceu porque muitas empresas “desejam suporte 24h e e-mails com maior capacidade”, algo que ao que tudo indica só poderia ser oferecido deixando de perder dinheiro com as contas gratuitas.

Atualmente, o preço da assinatura anual do Google Apps custa US$ 50 por usuário ou então US$ 5 ao mês, também por usuário. É importante salientar que, mesmo com a descontinuidade do plano grátis do Google Apps, aqueles que já se utilizavam do serviço não serão afetadas, ou seja, fica tudo como estava.

Outro detalhe importante é que as instituições de ensino e organizações sem fins lucrativos que desejarem utilizar o serviço, continuarão com a opção do plano gratuito do Google Apps, disponível aqui. Evidentemente é necessário comprovar que a instituição se encaixa no plano free.

Empresas poderão criar lojas de aplicativos próprios
Antes de anunciar a mudança nos planos gratuitos, o Google Apps ganhou uma funcionalidade inovadora e muito interessante para empresas que queiram oferecer seus próprios programas para celulares de seus funcionários.

É uma sessão privada da loja de aplicativos do Google, específica para empregados de determinada empresa do Google Apps.

Funciona como se fosse uma “mini Play Store” criada e customizada pela própria empresa com os aplicativos disponibilizados por ela. Ao logar-se no equipamento com Android utilizando o e-mail da empresa cadastrado no Google Apps, funcionários terão acesso à essa área personalizada e poderão baixar os aplicativos.

As instruções de como ativar essa loja estão disponíveis neste artigo de suporte.