Como fazer Remarketing do seu e-commerce

10 de janeiro de 2022

Aprenda a fazer o Remarketing do seu e-commerce de maneira adequada

O Google, o maior mecanismo de buscas de toda a internet, informa que apenas 3% dos visitantes de e-commerce são convertidos imediatamente. Nesse sentido, o remarketing é uma ótima maneira de converter os outros 97%.

Publicidade:

Quem está batalhando para se posicionar com qualidade na web sabe como é difícil. Afinal, esse é um meio muito competitivo e fugaz.

Os usuários são expostos a um número imensurável de anúncios e propagandas dia após dia, e diversas informações chegam a todo momento neste canal. 

Não é de se espantar que apenas uma quantidade limitada deles seja instigada o bastante para visitar o site de e-commerce.

Publicidade:

Com o remarketing, o lojista ganha um aliado importante na conversão de leads e para atrair a atenção de um potencial cliente, seja por ter tido contato com a marca diretamente ou com seu tipo de produto. 

Se deseja compreender mais sobre do que se trata essa estratégia de Marketing e como ela tem de ser aplicada, confira o texto a seguir!

Como fazer Remarketing

Como fazer Remarketing do seu e-commerce

Conheça o Remarketing

Desde o início da popularização do marketing digital, os empresários perceberam que existia uma quantidade de visitantes que saía do site sem completar compras, ou abandonando um “carrinho” com produtos.

Publicidade:

Diante desse problema, viu-se necessário começar a desenvolver maneiras de tentar alcançar esses visitantes de novo, e torná-los clientes efetivos.

Essa é a base do Remarketing: chamar a atenção de um visitante que deixou o site sem completar uma ação.

Graças aos dados personalizados típicos do Inbound Marketing, hoje em dia é possível acessar informações cruciais como:

  • Pesquisas feitas;
  • Posição do lead no funil de vendas;
  • Informações cedidas;
  • Produtos deixados no carrinho.

No geral, o Remarketing marca presença em anúncios digitais e em campanhas de e-mail.

Publicidade:

Há maneiras muito eficientes de segmentar anúncios de acordo com o perfil e as preferências de um usuário que, por qualquer motivo, não se tornou cliente da loja na primeira visita.

Continue a leitura para saber como aplicar os princípios do Remarketing ao seu e-commerce.

Dicas de Remarketing para e-commerce

Como é de praxe no marketing digital, essa técnica demanda planejamento e técnicas específicas para realmente provocar resultados.

As dicas de aplicação que vamos listar a seguir vão desde o uso de plataformas de anúncios, como o Twitter Ads, até estratégias de relacionamento com o cliente, confira!

Saiba segmentar o público

A mensagem que os e-mails precisam conter depende do perfil de cada visitante. O ideal é usar gerenciadores de e-mail.

Com eles, as empresas têm condições de segmentar a base de contatos pela data da última compra feita e muitas outras opções.

Leads que nunca fizeram uma compra precisam de um incentivo diferente se comparados àqueles que já são clientes, por exemplo.

Use as plataformas de anúncios

Existem várias opções de ferramentas focadas no desenvolvimento de anúncios para web. Os mais usados são:

  • Facebook Ads;
  • Instagram Ads;
  • Google Ads;
  • Twitter Ads.

No caso de Ads para redes sociais, o destaque vai para a possibilidade de elaborar estratégias de comunicação mais orgânicas e atrativas.

Quando a empresa marca presença no Twitter, por exemplo, o Marketing de Conteúdo dela se espalha com mais rapidez pela internet.

O Google Ads é a plataforma do motor de buscas mais usado. Logo, investir nele é outra garantia de que seu produto ou serviço será visto por muitas pessoas.

Ofereça vantagens especiais

Uma outra maneira de reconquistar a atenção do lead é enviar ofertas personalizadas para a caixa de entrada.

Pode ser um desconto, condições especiais de pagamento ou até mesmo brindes. O importante é incentivá-lo a retornar ao site.

Claro que estratégias desse tipo precisam ser planejadas com bastante antecedência e equilíbrio.

Não vale a pena sair no prejuízo. As vantagens têm de ser financeiramente viáveis para serem adotadas.

Invista em estratégias multicanais

Além dos canais que já abordamos aqui, é sempre pertinente avaliar quais outros sites e plataformas podem ser convenientes para a sua empresa.

Quando o assunto é Remarketing, fazer investimentos em mais de um canal é indicado para conseguir mais evidência e relevância na internet.

Como apontamos no tópico acima, as condições financeiras devem sempre servir de base para qualquer decisão desse tipo.

Portanto, avalie as oportunidades disponíveis em redes como LinkedIn, YouTube e aplicativos, entre tantas outras possibilidades.

Conclusão

Chegamos ao fim do material sobre Remarketing. Essa técnica de marketing digital é importante para alcançar possíveis clientes que não são convertidos logo de cara.

A área de vendas é, em larga medida, baseada na qualidade do relacionamento travado entre marca e visitante.

As dicas de Remarketing mostram como a estratégia tem poder para melhorar essa relação e criar laços duradouros.

Copy link
Powered by Social Snap