Como fazer a criação de marketplace?

25 de novembro de 2021

Se você procura por novos horizontes para o seu negócio, implementar um marketplace pode ser uma ótima escolha.

Publicidade:

Esse modelo de negócio funciona como um shopping online, e utilizá-lo de forma estratégica para o processo de vendas do seu negócio pode alavancar suas vendas. 

Mas para isso, é preciso entender o que é um marketplace, seu funcionamento, suas vantagens e importância, além de dicas com as melhores práticas para sua implementação. 

O que é e como funciona um marketplace?

O conceito de um marketplace remete a um ambiente coletivo de vendas online, onde diferentes anunciantes dão um leque de opções ao cliente.

Publicidade:

Ou seja, é um mesmo espaço online onde vários vendedores podem anunciar seus produtos, como uma pia de marmore banheiro com cuba entre tantos outros produtos, assim como um shopping center.

Isso significa que o usuário tem acesso a várias opções de lojas, marcas e anunciantes, permitindo que ele se foque no produto que deseja, e não no vendedor.

No Brasil, o conceito de marketplace começou a ser implementado em 2012, e hoje já tem a aderência de muitas empresas que contam com suas versões digitais.

Alguns confundem este conceito com o e-commerce, mas eles são bem diferentes, principalmente porque o e-commerce não permite essa variedade de anunciantes.

Publicidade:

Neste caso, se você acessou o e-commerce de um fabricante porca gaiola, encontrará ali apenas os produtos deste mesmo vendedor.

Dessa forma, o e-commerce é a página de vendas de um único vendedor, enquanto o marketplace é um ambiente coletivo de vendas. Para inserir seu negócio em um marketplace, tem-se um processo simples, mas que demanda atenção.

O primeiro passo é realizar o cadastro da sua empresa no ambiente escolhido, assim como de seus produtos.

Uma vez cadastrados, os produtos passam a ser exibidos nas buscas dos usuários, sugeridos conforme seu histórico de compras e outras buscas.

Publicidade:

A cada venda é cobrada uma comissão da plataforma, correspondendo a uma taxa que pode equivaler a um valor de 9,5% até 30% do valor do produto. Essa comissão varia de acordo com as configurações relativas ao nível de divulgação solicitada durante o cadastro.

Basicamente, quanto maior a visibilidade dada aos seus produtos, como um bebedero de agua garrafão, maior será a taxa da comissão.

Por isso, é importante avaliar aqui alguns pontos cruciais para se certificar que este realmente será vantajoso para a realidade de sua empresa.

Questione pontos relativos à lucratividade versus os valores da comissão, avaliando se o volume de vendas tende a compensar as taxas.

Esta estimativa do volume de vendas é fundamental para realizar este cálculo, de forma a estar seguro quanto a manutenção da lucratividade de seus produtos.

Além disso, também existe um prazo que pode variar entre 2 a 45 dias, contados após a data da postagem ou da entrega dos produtos, para a liberação dos valores das vendas.

Este prazo funciona como uma garantia de que o produto realmente atende às necessidades do cliente, uma vez que a plataforma, de certo modo, adquire parte da responsabilidade sobre a qualidade e a entrega do produto.

Como a reputação da plataforma de marketplace é algo que deve ser mantida, existem políticas e termos que devem ser cuidadosamente lidos e adequados.

Se você não concordar ou se adequar às políticas e normas da plataforma, pode ser punido recebendo denúncias de usuários, ou mesmo retirado do ambiente de vendas.

Por isso, antes de iniciar suas vendas em um marketplace, é importante conhecer suas particularidades, estando ciente de seu funcionamento e normas.

Escolha o marketplace com base no público que o utiliza, uma vez que existem uma série de opções, com públicos diferentes, tanto envolvendo interesses quanto questões demográficas.

Assim poderá fazer uma análise criteriosa sobre a viabilidade financeira desta nova implementação para seu negócio.

Buscando uma plataforma alinhada com o perfil do seu público-alvo, terá certa segurança que haverá real interesse em máscara descartável de proteção comprar, o que garante maior segurança para suas vendas.

Agora que você já conhece os pontos básicos a serem considerados para a escolha do melhor marketplace, podemos listar resumidamente em:

  • Taxas de comissões;
  • Tempo de liberação do valor vendido;
  • Políticas e termos de uso de cada plataforma;
  • Perfil do público.

Ao considerar estes pontos com cautela, certamente terá mais segurança em sua escolha, garantindo que esta será uma medida de fomentação do seu negócio, para trazer bons resultados.

Vantagens e importância de um marketplace

Do ponto de vista dos usuários, um marketplace é sinônimo de praticidade, uma vez que é possível visualizar várias ofertas diferentes em um único site, permitindo a comparação de preços e custo-benefício, de forma simples.

Outro ponto que traz maior praticidade ao usuário é poder comprar de diferentes anunciantes em uma mesma compra, efetuando apenas um pagamento final.

Essa ação potencializa a experiência do usuário, um importante foco das estratégias de vendas digitais. Já em relação aos empreendedores que anunciam seus produtos, sua vantagem está no processo colaborativo de vendas.

Como os produtos são anunciados de acordo com as buscas do usuário, é possível que pequenas ou grandes empresas alavanquem suas vendas e ganhem visibilidade, na mesma proporção, basta que realmente satisfaçam às necessidades dos clientes.

Funcionando como uma vitrine de um shopping digital, é muito comum que um usuário que comece procurando por calha galvanizada se interesse por outros produtos relacionados, e acabe comprando também.

Mantendo a qualidade de seus produtos, as empresas têm muito a ganhar em relação a sua reputação com os clientes também.

Em um grande marketplace, um vendedor menos conhecido ganha as mesmas oportunidades que os demais para a divulgação de seus produtos, o que quebra objeções de compra relacionadas a falta de confiança, por exemplo.

Por isso é tão importante se adequar aos termos e políticas da plataforma, assegurando a segurança da negociação para o usuário.

Um fabricante de piso industrial de alta resistência, por exemplo, não ganha somente na visibilidade e na credibilidade com os clientes.

Outra grande vantagem do marketplace está no processo de fidelização dos clientes ao oferecer uma experiência positiva.

Em um grande evento, como a Black Friday, diversos anunciantes oferecem seus produtos com descontos especiais, o que agrega valor à experiência do usuário.

Com uma experiência positiva em relação ao seu produto, a probabilidade de indicações ou de novas compras é bem maior.

Realizar eventos de grande porte como a Black Friday é algo muito mais simples em um ambiente virtual coletivo como esse.

Comparando a um e-commerce, também existe a vantagem de não serem exigidos investimentos para marketing e TI (Tecnologia da Informação), incluindo o desenvolvimento da plataforma, sua manutenção e hospedagem.

Todos estes pontos fundamentais para o funcionamento da plataforma são de responsabilidade da própria empresa que gerencia o marketplace.

Então podemos dizer que colocar seus produtos para serem anunciados nestes ambientes, potencializa o faturamento ao mesmo tempo em que reduz custos, o que aumenta a lucratividade.

Existe ainda a possibilidade de anunciar seus produtos, como barra de segurança para banheiro, em mais de um marketplace, o que torna seus resultados mais escaláveis.

Considerando os pontos que chamam atenção no início deste artigo, principalmente o público a que será direcionado seus produtos, você potencializa suas chances ao atingir um público muito maior.

E para finalizar as vantagens de aderir a um bom marketplace, está a facilidade para manutenção de seus produtos, bastando cadastros de produtos sempre atualizados, o que pode ser feito de forma simples por poucas pessoas, ou ter um responsável.

Isso possibilita que sua equipe possa manter o foco em atividades estratégicas, como a análise de mercado, a escolha de produtos e preços de seu escopo de vendas.

Dicas para a implementação

Ao escolher a melhor plataforma para anunciar suas opções de piso tátil acessibilidade, é importante compreender seu funcionamento a fundo.

Por ser um ambiente de alta competitividade é essencial estar atento a pontos como as fotos escolhidas e descrições que tornem o produto realmente interessante ao usuário, de forma que ele se destaque entre os demais.

Uma dica muito válida neste ponto é manter o alinhamento da qualidade de seus produtos, assim como o atendimento e a entrega, independente do canal de vendas, considerando os diferentes canais de vendas que possua, como sua loja física, por exemplo.

Contar com canais de vendas alinhados e bem estruturados fornece os meios para você tornar seu negócio mais atrativo para o usuário.

Esteja preparado logisticamente para atender às novas demandas de seus canais de vendas, prezando por parâmetros como o tempo de entrega do produto, por exemplo.

É fundamental estar atento às avaliações dos usuários, que refletirão a qualidade do atendimento, do produto e da entrega. Uma dica é estar atento ao valor do frete, que costuma ser um ponto de desempate para quem está comprando.

Zele por um bom preparamento logístico para atender as demandas no menor prazo viável e ofereça diferenciais como valores baixos de frete, ou mesmo o frete grátis, que tornarão seu produto mais atrativo.

Seguindo essas dicas em um marketplace, é possível potencializar suas vendas e seu posicionamento no mercado.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Copy link
Powered by Social Snap